16
outubro
2014

Sobre câncer de mama

Postado por Ana em Saúde

Puxa, a última vez que falei de câncer de mama aqui no blog foi em 2012! Aproveitando que estamos no mês de outubro, resolvi falar de novo! Gravei um vídeo em que bato um papinho sobre o câncer que mais mata mulheres no mundo. E conto também um pouquinho da minha história e por quê é tão importante para mim discutir sobre este tema.

O thumbnail e a imagem congelada não querem mudar de jeito nenhum. haha… Muito difícil fazer vídeo. Eu gravo, vou ver e tem meia hora, tenho que sair cortando tudo, aff. :( Mas com o tempo eu aprendo!

Ler também: Rastreando o câncer de mama: auto-exame e mais!

Tem tanta doença que a ciência ainda não resolve ou não nos dá a oportunidade de diagnosticar no início. Se existe a chance de fazer diagnóstico precoce, não vamos comer esta mosca!

Beijos PINK!

13
outubro
2014

O sonho da meia-maratona (parte 2)

Postado por Ana em Coisas da Ana, Fitness

Em fevereiro eu escrevi sobre o meu “sonho da meia maratona“, então já estava na hora de um update, né? Não digo que não vai rolar mais, mas a verdade é que ando com “dois pés atrás” com este sonho. Pelo menos a de 2015 (é em abril) acho que não vai dar não. :(

Eu comecei super animada e vinha aumentando o ritmo de corrida bem aos poucos, e meu joelho até que estava colaborando. Quando finalmente cheguei aos 10km, comecei a sentir uma dor forte no tornozelo direito e acabei ficando muitas semanas de molho. Fiquei desmotivada! Se eu fosse atleta, etc, valeria a pena forçar, mas como não é o caso fiquei meio receosa. Articulações são vingativas, se você as estrepa uma vez, lembrará disso por toda a vida.

run

Eu ainda gosto de correr e há um mês voltei a fazê-lo com regularidade. Só que agora tenho feito diferente. Corro 2,5km até o estádio olímpico da faculdade de esportes, lá treino corrida rápida “sprints” (20m, 60m, 100m) e depois volto correndo mais 2,5km.

estadio

Tenho feito em média 3x por semana, mas varia conforme o clima (se tá tempo bom prefiro ir mais uma vez, vai que no próximo dia chove). Em relação aos “sprints” – é algo totalmente diferente de corrida de distância. O efeito é mais para musculação – tanto que no dia seguinte tenho aquela dorzinha muscular, inclusive nos braços. No caso de 100m é um trabalho extenuante mas, convenhamos, é muito mais divertido! Não faço sozinha “da minha cabeça”, tem toda uma técnica e um treinamento – meu marido vai comigo e me ensina. Acho que nesses “estouros” a chance de lesão acaba sendo maior, então tomo muito cuidado e alongo muito antes e depois. Isso vai durar enquanto eu me sentir bem – se tiver algum piripaque em alguma articulação, byebye, não faço mais.

maps

Geralmente é isso que tenho feito, mas quando é só para correr normal gosto de ir para o outro lado do Rio ou ainda subo para um bairro do lado da floresta (Güntherstal, coisa linda de Deus) ou mesmo floresta adentro (trilhas). Aqui é um verdadeiro paraíso para corredores, então tenho que aproveitar, né? No inverno é bem mais sofrido, mas como quase não neva dá pra correr se usar roupa adequada (em geral esses casacos esportivos à prova de vento).

Alguns apetrechos que uso:

stuff

Meu ipod velho de guerra (tento sempre colocar música nova) + iPhone na braçadeira (sempre uso o app Nike+ – é grátis). O frequencímetro velho só uso em dia que vou fazer algo que ainda não fiz (está faltando um pedaço na foto, rs). E quando tem sol uso (além do protetor) boné – como eu sempre digo: melhor engraçada agora do que ameixa seca no futuro, hahahaha! Estou seriamente pensando em usar óculos de corrida – outro dia um mosquito entrou e ficou preso dentro do meu olho e foi horrível, aiaiaiai! À noite, agora que está escurecendo antes das 20h, uso também uma lanterninha na cabeça ou um coletinho que brilha no escuro, para não ser atropelada por bicicleta. Parece tosco (e é) mas é super comum aqui, então ninguém ri de mim. O chato é correr igual uma caricatura, mas fazer o que né! :)

Não desisti da meia – mas no momento quero primeiro melhorar o tempo dos 5km e dos sprints, e daí vou aumentando a distância de novo muito lentamente. Sem esquecer de fortalecer o quadríceps (que protege o joelho) e a panturrilha (que protege o tornozelo) com musculação.

Eu às vezes me sinto a maior bundona de ter um “sonho da meia”, enquanto quase todo mundo que conheço aqui (alemães são super esportistas) já correu uma inteira. Mas cada um na sua, né? ;)

Quem sabe a meia de 2016?

Você também está tentando se superar em algum esporte? Já tentou correr? Já teve problema com lesão? Tell me everything! :)

Beijos!

09
outubro
2014

O que achei da mola depiladora de buço

Postado por Ana em Geral

Ou mola arrancadora de bigode, pra quem preferir! :) A marca mais conhecida é a My Spring It, mas eu comprei uma genérica e duvido que tenha diferença para a “original”. Para quem nunca ouviu falar, é simplesmente uma molinha para depilar o buço!

molinha

Até muito antes mesmo de pensar em sair de BH eu já não pagava mais para depilar buço no salão. Acho o preço que cobram muito desproporcional ao trabalho que dá, fora que até eu conseguia fazer isso sozinha. Sempre usei as tiras da Veet (tem no Brasil, tem aqui também) e continuo achando ótimas. Ainda não tenho melasma, mas como tenho uma alta tendência a hiperpigmentar, comecei a ficar com medo do uso de depilação com cera dar manchas. Porque melasma, depois que surge, não tem cura mais (só controle). Eu tentava tirar rotineiramente com pinça, mas a verdade é que às vezes esquecia, ou ainda, para tirar com pinça tem que estar com a iluminação muito boa. Outro dia comprei um espelho de LED que aumenta 10x, e daí vi o horror que estava, e eu achando que o bigode estava sob controle. hahaha

Já tinha lido muito na internet sobre as molinhas XINGLING de retirar buço. Como o preço é muuuuito bom (paguei €2,99), resolvi testar. A “tecnologia” mega simples – uma mola – por isso é barato e sempre que você achar que tá ficando velho pode pedir uma nova sem peso na consciência. Mas pelo menos a minha parece que vai durar muito.

Como usar:

É uma coisa meio intuitiva, eu aprendi a usar antes de ver vídeo ou explicação. Você dobra ela no meio, torce as metades para dentro e vai subindo e descendo e desenrolando e enrolando; quando puxar os pelos é porque você está fazendo certo. Aqui tem um vídeo explicativo.

spring

Dói?

Vejo muita gente discutindo se dói ou não dói. Isso vai depender do tanto de buço que você tem no momento e do seu limiar para a dor. Para resumir: é como se você tirasse com a pinça vários pelos ao mesmo tempo. Então, pra mim, dói sim. A primeira vez foi meio tortura chinesa, porque tinha algum tempo que não fazia. Depilar com cera também dói, mas são 2 puxões de dor (e depois uma leve complementação com pinça). E com a pinça também dói, só que é um pelo de cada vez. É uma questão de perspectiva, hehe. A vantagem da molinha é que dá pra usar um pouco todo dia, não tem que esperar juntar um bigodón, daí você não sofre tanto! Uma dica importante é tirar olhando em um espelho (com luz boa), porque daí você tira só os visíveis mesmo. Nossa pele é toda coberta por pelos muitos finos e que a gente não vê, por isso se você deixar, a molinha vai ficar puxando pelos ad eternum, sem a menor necessidade. Acho bom também porque não irrita a pele depois e não corre o risco de entupir os poros igual a cera (=acne). E, claro, não vai dar manchas.

Tira tudo?

Ela é bem mais generosa do que a cera, tira pelos pequenos e finos. Mas pode sobrar um ou outro em regiões mais curvas (bem perto dos lábios), daí você tira com a pinça.

Onde comprar?

Essas molinhas geralmente vêm do mundo oriental. Acho que os melhores lugares para comprar são Ebay, Amazon, etc. É muito barata e cabe em um envelope, então chama zero atenção na alfândega, mas demora. Comprei uma aqui e demorou uns 2 meses para chegar (veio de Singapura – país que passou a ser escrito com “S” também no português brasileiro após a Reforma Ortográfica de 2009, assim como pelos perderam o circunflexo).

Conclusão

Funciona super bem, não irrita, não vai te dar manchas. Dói o esperado para “arrancação de pelos”. Imediatamente minhas cerinhas da Veet na gaveta perderam sua função; agora eu sou “Team Molinha“!

lcrate5

Só para terminar: “Como eu tenho me sentido ultimamente ao atualizar o blog“:

hahahahaha #drama. Mas sério, a internet mudou muito; em 2009/10 eu tinha 10x menos visitas e 10x mais participação. Estou com saudades de vocês, fico falando sozinha. :( Estou abertas a sugestões, sempre! Ah, descobri que meu formulário de e-mail estava com problema há meses – eu respondia e a resposta não ia. :( Se você escreveu e ficou sem resposta, desculpe, me escreva de novo (via facebook ou comentários).

Beijos melodramáticos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Página 10 de 2236789101112131415